Webcenter

Internet das Coisas na empresa: onde aplicar?

Início » Blog » Internet das Coisas na empresa: onde aplicar?
Internet das Coisas na empresa: onde aplicar?
Sistemas

Quase todos os aspectos de nossas vidas agora geram dados, mas como a Internet das Coisas na empresa pode beneficiar empresários? 

As coisas mudaram muito quando se trata de tecnologia. Os relógios inteligentes monitoram cada passo que damos e sentem cada batida do nosso coração. 

Os smartphones em nosso bolso sabem nossa localização a qualquer momento, nossos hobbies, onde vamos passar as férias e o que estamos pensando em comprar.

Alguns desses insights beneficiam o cliente e alguns o fabricante do produto. No final das contas, todos nós estamos emergindo em um mundo de Internet das Coisas (IoT) que, na maior parte, beneficia a todos. 

Isso porque está auxiliando nossas vidas diárias e nos mantendo conectados às coisas e pessoas que são importantes para nós.

Hoje em dia, a tecnologia vem proporcionando diversos benefícios, como por exemplo, a educação a distância. Você pode fazer desde um curso de um curso de nutrição ead até uma pós graduação online.  

O uso dessa tecnologia no mundo dos negócios não é diferente. A Internet das Coisas é responsável por registrar e transferir dados para monitorar processos importantes, nos fornecem novos insights, aumentam a eficiência e permitem que as empresas tomem decisões mais informadas.

Se você está considerando como a Internet das Coisas pode ser usada em sua empresa, é vital entender como ela está transformando a estratégia e as operações em outros lugares.

Continue a leitura para saber mais sobre o assunto! 

Como aplicar a Internet das Coisas na sua empresa

Aqui estão as principais maneiras de aplicar a Internet das Coisas nas empresas e que também poderá trazer benefícios para o seu negócio. 

Insights de negócios e experiência do cliente aprimorados

Equipamentos conectados em manufatura, aviação, cadeia de suprimentos, agricultura, saúde e muitos outros setores estão criando mais fluxos de dados e potencial de análise. 

Isso significa que as empresas estão obtendo percepções muito maiores sobre suas operações de negócios e como seus clientes usam seus produtos ou serviços.

Em muitos casos, isso foi habilitado por plataformas em nuvem fornecidas por empresas como Microsoft e Google (junto com centenas de fornecedores mais especializados).

Quando uma empresa entende como seus clientes usam seus produtos, ela pode atender melhor às suas necessidades e melhorar a experiência do cliente

De muitas maneiras, o setor de varejo está na vanguarda das mudanças impulsionadas pela tecnologia nesta área – com a necessidade de mudança refletida na queda amplamente relatada de muitos nomes familiares. 

Enquanto isso, empresas como a Amazon, por exemplo, prosperaram em uma estratégia baseada em dados.

O futuro do varejo está em conectar-se com o cliente e reduzir o atrito para ele. A mentalidade de “preciso agora” dos consumidores de hoje vê a conveniência prevalecer sobre a fidelidade à marca, com muitos clientes preferindo as compras online.

Esse aprimoramento da experiência do usuário, juntamente com novos fluxos de dados e percepções, é um benefício comum a todos os aplicativos de IoT. 

Para todos os tipos de organizações, isso tem um enorme potencial estratégico e operacional. Seja empresas com foco em site de vendas online ou com estabelecimento físico. 

Reduções de custo e tempo de inatividade graças à Internet das Coisas 

Um dos benefícios desses novos insights é geralmente uma redução nas despesas operacionais e no tempo de inatividade.

Por exemplo, o rápido surgimento da tecnologia digital dupla – modelos digitais de ativos físicos construídos a partir de dados em tempo real, seja na forma de dados puros ou como representações 3D explosivas – é um diferencial competitivo em aplicações industriais de IoT.

Imagine a falha de um componente pequeno, mas crítico em uma instalação industrial, causando horas ou dias de inatividade enquanto a falha era rastreada e corrigida.

Agora, imagine cada parte dessa instalação sendo armazenada e apresentada em uma cópia digital, que disse aos engenheiros que o componente iria falhar semanas antes disso – e exatamente onde estava e como substituí-lo. 

Como resultado, uma breve manutenção programada viu a peça de reposição feita sob encomenda e instalada.

Este tipo de tecnologia pode ajudar a reduzir os custos operacionais e o tempo de inatividade do sistema em fábricas e outras instalações industriais. 

Ao mesmo tempo, também ajuda os trabalhadores a aprender no trabalho como as máquinas funcionam e/ou podem ser separadas para manutenção e atualização – talvez por meio de tablets, headsets ou óculos de proteção inteligentes.

Conclusão

A tecnologia não para de avançar e as empresas que não acompanharem essas mudanças, ficarão para trás. Isso é inevitável. 

Portanto, é extremamente importante saber mais sobre a Internet das Coisas e implementá-la na sua organização para poder ter acesso a todos os benefícios que ela proporciona. 

Quanto mais você investir em soluções tecnológicas, maiores poderão ser os seus resultados tanto em processos internos – operacionais – quanto de vendas, já que os clientes também são beneficiados quando existe a implementação de tecnologias. 

Esperamos que tenha gostado do conteúdo e que agora esteja mais claro como a Internet das Coisas pode ser aplicada em empresas.

Artigos Relacionados

Você sabe o que é ROI em TI? Aprenda agora e saiba como calculá-lo

Vinicius

Como a gestão de TI pode ajudar a sua empresa a conquistar o mercado

Vinicius

Como a tecnologia pode ajudar na tomada de decisões nas organizações?

Vinicius

Deixe um comentário

PHP Code Snippets Powered By : XYZScripts.com